SC: Produção de queijo nobre irá movimentar a economia do Oeste Catarinense

SC: Produção de queijo nobre irá movimentar a economia do Oeste Catarinense

Santa Catarina receberá um complexo internacional de produção de queijos, na região do extremo oeste do estado para a elaboração do grana padana, considerada a variedade mais nobre do mundo. No próximo dia 18 de agosto a Gran Mestri inicia as atividades do parque industrial de Guaraciaba, com área construída de 12 mil metros quadrados.
A empresa que esta há uma década no Estado, introduziu no Brasil a espécie de queijo reproduzindo as mesmas características dos elaborados na Itália, e busca reconhecimento da América Latina. "Estamos focados na qualidade exigida por este queijo nobre, e no rigoroso controle diário de todos os lotes e etapas da cadeia produtiva, com o acompanhamento de mestres queijeiros europeus, para garantir a essência de um produto diferenciado e especial", explica o proprietário Acari Menestrina.
Menestrina informa que indiretamente a fábrica beneficiará mais de 1000 produtores de leite da região, e que já foram contratados 200 funcionários para a produção, todos passando por treinamento. Com faturamento previsto em R$ 150 milhões/ano, o proprietário da empresa investiu R$ 28 milhões na unidade, com capacidade para 1 milhão de quilos de queijos.
Além da tecnologia e equipamentos 100% italianos, a nova planta industrial tem localização estratégica - junto à BR 163, entre São Miguel do Oeste e Dionísio Cerqueira, na rota da fronteira entre Brasil e Argentina.
Fonte: Indústria Economia SC, adaptado pela Equipe Milknet
12/07/2012